domingo, 26 de junho de 2011

Passo 3....enfim, entendi.....


A revolução quantitativa foi a tentativa de a Geografia se redefinir como ciência.
 Os quantitativos, frequentemente referidos como positivistas, declaravam que o propósito da Geografia era o de testar as leis gerais do arranjo espacial dos fenômenos.
 Adotaram a filosofia do positivismo das ciências naturais e viraram-se para a Matemática - especialmente a estatística - como um modo de provar hipóteses. A revolução quantitativa fez o trabalho de campo para o desenvolvimento dos sistemas de informação geográfica.
Neste caso, é bom lembrar que a geografia em seu início, com Humboldt, Ratzel, Ritter, La Blache, Hartshorne e outros já se utilizava de métodos positivistas, e a mudança de paradigma que ocorreu com a matematização do espaço.
É natural do humano, achar-se mais, do que realmente é..
Contestei o incontestável...afinal sou humano....rsrsrs
É óbvio, uma pessoa que adquire o grau de Dr, tem pleno conhecimento de sua área...Dr Geovana tem toda a razão...
Então...
Admito o meu erro de análise..
Ritter era POSITIVISTA, por recorrer ao método quantitativo...e não, qualitativo...
Qualitativo é dialético...
Quantitativo é positivista...
Mas valeu pelo exercício...

Nenhum comentário:

Postar um comentário